Sabrina Korgut e Gabriel Leone falam do namoro e da diferença de idade


Na ficção ela é uma mulher simplória com quase nenhum - ou nenhum - charme ou apelo sedutor. Ele, um aprendiz de vilão, esbanja sex appeal e atrai por um certo mistério. Ela é chamada de coitada pelo público. Ele, de #meumalvadofavorito nas redes sociais. A grosso modo, apenas o ofício de atuar os aproximaria ou caberia em uma pergunta sobre o que eles têm em comum. Ela tem 36 anos. Ele 20. Mas são loucamente apaixonados um pelo outro. Sabrina Korgut, a Adenoide de "Pé na cova", e Gabriel Leone, o Antônio de "Malhação", estão namorando há nove meses e mostram que a sintonia entre eles não precisa de padrões.
"Acho engraçado as pessoas ainda se apegarem tanto à nossa diferença de idade. Temos gostos e objetivos parecidos, gostamos um do outro, nossas famílias encaram numa boa. Então, não entendo muito a surpresa", observa Gabriel, mais falante que a namorada. 
Sabrina Korgut e Gabriel Leone Para Sabrina, o fato de terem nascido em gerações diferentes não interfere na relação.
"Somos como qualquer outro casal de namorados. A gente se diverte muito, gosta da companhia um do outro, se respeita e se gosta. Temos aquelas briguinahs normais, coisa de dia a dia, mas num todo, nossa vida é bem tranquila", descreve ela. 
Sabrina e Gabriel se conheceram quando ela dirigia o espetáculo "Branca de Neve". Ator aspirante, Gabriel soube de um teste para a peça infantil e foi tentar a sorte. Disseram a ele para procurar uma pessoa chamada Milena. Chegando ao teatro, o garoto - que só conhecia Sabrina de nome, por conta dos inúmeros musicais que ela fez -, a abordou diretamente.
"Cheguei pra ela e perguntei: 'Oi, você é a Milena?'. E a Sabrina ficou com uma cara de quem não entendeu nada. Achei melhor desconversar. Pô, já queimei meu filme de cara!", conta o ator, que acabou ganhando o papel de príncipe na peça. 
Sabrina Korgut e Gabriel Leone (Foto: Roberto Teixeira/ EGO) Os dois relembram a história às gargalhadas já que a tal Milena jamais foi encontrada:
"Deve ter sido uma entidade cósmica que apareceu para nos juntar", diverte-se Sabrina. 
O começo do namoro foi lento. Nada de cantadas ou privilégios, segundo o casal.
"Confesso que achei ela uma gata, mas nunca imaginei que tivesse chance", confessa ele. 
Sabrina também acho o "príncipe" bem gatinho, mas manteve a postura de "chefe".
"Não dava para confundir as coisas. Mas começamos a ter tanta empatia, vimos que havia tanto em comum, que acabou rolando", ela justifica. 
Com tanto assédio adolescente por conta de "Malhação", Gabriel mantém algum cuidado para não atrair a ira da namorada. Virginiana, Sabrina é ciumenta confessa, mas ele não fica atrás.
"Poxa, começaram a sair umas fotos dela de biquíni por aí, e a Sabrina tem um corpo lindo... Fiquei com ciúme, sim", admite ele. 
Sabrina mora sozinha em Copacabana e Gabriel com os pais, na Barra da Tijuca. Atravessam a cidade para se ver e vez ou outra um está na casa do outro. Mas a ideia de casamento ainda é uma possibilidade distante.
"Até por conta do trabalho. Passo a semana na minha casa e quase sempre os fins de semana na casa dela", conta Gabriel. 
Sabrina vê o processo com tranquilidade:
"Gosto de tê-lo em casa, a gente gosta de assistir a filmes, jantar, ir ao teatro. Somos muito caseiros. Então, rotular isso acho que é o que menos nos interessa. Enquanto estivermos felizes é o que importa".
Fonte: EGO

0 Comentario "Sabrina Korgut e Gabriel Leone falam do namoro e da diferença de idade"

Postar um comentário

SEGUE NOSSO BLOG

POSTAGENS MAIS ACESSADAS